Combinações com vinho: faça a harmonização perfeita

Compartilhe essa receita

O tema do dia dá água na boca, porque as combinações com vinho, estimulam qualquer paladar e por conta disso precisamos fazer a escolha certeira.  Pois continue aqui e tenha uma boa leitura.

Anúncios

A princípio, quem adora cozinhar e fazer uma social em casa oferece a seus convidados uma excelente garrafa de vinho. Harmonizar os pratos com essa bebida é o segredo para o sucesso dos jantares!

O Manual da Cozinha pensando nisso vai revelar um série de dicas para que vire um expert no assunto, porque para uma harmonização perfeita requer algumas informações…

Então, confira como a harmonização enaltece qualquer cardápio pelas suas combinações. Mas antes vamos saber de algumas coisas.

combinações com vinho

Afinal, o que seria a harmonização?

Antes de mais nada, um bom apreciador de vinhos é capaz de perceber as notas de sabor de tipos de vinho e de um bom prato. Não tendo dificuldade para harmonizar com as comidas.

Bem, uma harmonização perfeita exige de você utilizar o vinho de acordo com tipo de comida aproveitando seus sabores, e até potencializando.

Na harmonização cada paladar vai ter sua forma de combinar, considerando suas particularidades dessa experiência gastronômica.

Anúncios

Contudo, todas essas diferenciações devem atingir um mesmo lugar: o vinho certo para uma comida perfeita. Por exemplo, a afinidade pode ser um caminho que busca o que há de similar, vendo o corpo e a acidez.

Por outro lado, harmonizar pode ser com base no contraste, aqui a ousadia dá o tom em combinações mais complexas. Geralmente feitas por enólogos que tem mais propriedade no assunto.

Quais critérios para boas combinações com vinho?

O primeiro passo é identificar, dois pontos essenciais nesse processo:

  1. Corpo: por ele que se entende o vinho, se é leve, médio ou encorpado.
  2. Tanino: encontrado na casca e na semente das uvas, influenciando o sabor com seu caráter adstringente.

Tudo isso são informações importantíssimas para harmonizar com o vinho, mas cada prato vai ter seus sabores característicos que precisam de dicas especificas. Veja logo abaixo!

Descubra as combinações com vinho para cada tipo!

A gastronomia proporciona diversas oportunidades de combinações, umas mais comuns que outras, como o feijão com arroz.

E o que vai nos conduzir é o paladar, não há regras por todo mundo ter seus gostos já definidos, mas o que vamos propor são caminhos.

Harmonizando com espumantes

Existe uma confusão de que os espumantes não são vinho, mas é sim. O que difere é o processo de produção por ter dupla fermentação.

A primeira fermentação passa pelos mesmos processos de outros vinhos. No entanto, é na segunda, em que surge a “perlage”, as bolinhas de gás.

Brut

Ele é ideal de ser servido com aperitivos e frutos do mar, combinando bem em entradas, como saladas, grelhados e peixes.  Também pode ser um vinho que harmoniza bem com a culinária japonesa.

Demi Sec

Seu leve toque de acidez casa bem pratos doces, como sobremesas delicadas, doces leves e frutas.

Só que harmoniza perfeitamente com sabores de tortas de frutas ou bolo de aniversário ou casamento. Esse também pode acompanhar os grelhados leves e peixes.

Prosecco

Um dos os espumantes mais famosos, sua harmonização cai bem em aperitivos, canapés, saladas, peixes e comida japonesa.

Chapagne

Sem dúvidas que é uma estrela dos espumantes, sua degustação é ótima nos mais variados  queijos, canapés e foie gras, como também frutos do mar.

Aliás, só pode ser considerado Champagne aqueles vinhos feitos na França em uma região de mesmo nome que foi onde se criou o processo de produção, a técnica Champenoise que usa as uvas especificas.

Combinações com vinho branco

O recomendado é servir eles nas temperaturas menores, oferece assim harmonizações de pratos para o verão, como a carne branca, peixes e saladas.

Sauvignon Blanc

Sua harmonia é feita combinando com os queijos frescos, culinária asiática, carne suína, aves, salmão e frutos do mar, a massas com molhos delicados também entram.

Riesling

Como harmoniza perfeitamente com sanduíches, aperitivos e comida asiática, é bastante usado nos coquetéis.

Ele casa bem quando degustado com a carne de porco, aves em geral, atum, mariscos e frutos do mar. Oferecendo também, a possibilidade de se consumir junto de frutas e sobremesas.

Pinot Gris

Os queijos leves, sanduíches suaves, carne de porco, aves e pratos asiáticos são as apostas para uma boa harmonização com esse vinho.

Pois ele ainda é perfeito ao acompanhar massas e molhos sutis e os frutos do mar.

Chardonnay

As carnes brancas e as massas de molhos feitos com leite são as opções ideais de harmonização.

Ademais, combina também com praticamente todos os tipos de queijos. O Chardonnay é indicado com pratos harmonizados dos outros vinhos brancos, o atum, os mariscos e a carne de porco são as possibilidades.

Combinações com vinho rosé

Uma indicação perfeita para primavera e estações mais amenas. A sua harmonização é bem próxima aos vinhos brancos, sendo um verdadeiro leque de possibilidades, tais quais:

Harmonizando com vinho tinto

  • Aperitivos
  • Queijos suaves
  • Sanduíches
  • Comida asiática
  • Carne de porco
  • Aves
  • Massas com molhos suaves
  • Saladas
  • Salmão
  • Atum
  • Mariscos
  • Frutos do mar
  • Frutas
  • Sobremesas

O vinho tinto tem grande um consumo no país, comumente são mais encorpados em relação aos outros e vai bem com pratos suculentos.

Cabernet Sauvignon

Esse vinho que é feito uma uva que combina com queijos internos e as carnes vermelhas, por exemplo, o cordeiro.

Pinot Noir

As opções do Pinot Noir são amplas, de queijos leves, carnes vermelhas magras, carne de porco, aves, carneiro, massas com molhos leves a peixes tipo salmão e atum.

Merlot

Os diversos tipos de queijo harmonizam muito com esse vinho. Mas são ótimos acompanhados em churrascos com carnes vermelhas e a ovelha, massas com molhos suculentos e aves.

Malbec: uma das combinações com vinho perfeita para churrasco

A combinação perfeita do churrasco, a picanha é a mais indicada. Ele quebra suas fibras e, além disso, e harmoniza todos os sabores.

Beaujolais

Por ser leve, dos tintos harmoniza com mais comidas: queijos suaves, aperitivos e sanduíches até as carnes vermelhas e de porco.

A comida asiática, massas leves e peixes como o salmão combinam também. Ainda mais, podendo ser acompanhado das sobremesas.

Enfim, você já pode chamar seus amigos e propor um jantar com essas combinações com vinho aqui do nosso site!

Entre para nossa lista VIP
receba atualizações e dicas diárias
Veja mais!
como limpar microondas por dentro com limão
Tudo sobre a cozinha

Como limpar microondas por dentro com limão?

Que tal descobrir como limpar microondas por dentro com limão? Sendo assim um jeito bem fácil em deixar seu aparelho limpinho e também pronto para

Quer aprender a cozinhar como um profissional?
vamos enviar notificações por email
cozinheiro